Please reload

Posts Recentes

Como saber se o pedreiro é eficaz antes de começar a obra

March 13, 2018

1/3
Please reload

Posts Em Destaque

Utilize o layout da loja para vender mais

Se você é lojista de móveis e tem uma loja física em funcionamento, sabe que o custo desta estrutura é muito alto e, às vezes, é uma conta que não se paga, certo? Errado! Usamos este clichê de mercado para provocar uma reflexão em você com a intenção de quebrar alguns paradigmas. O primeiro deles é: “não mantenha sua loja. Invista nela”! Quando você afirma: “Eu mantenho uma estrutura de loja física”, a mensagem que você passa é: “minha loja tem um custo alto que acaba com a minha rentabilidade e me suga”. Isso é péssimo para a sua empresa.

 

Que tal trocar este pensamento por outro, mais positivo, e com isso ainda aumentar suas vendas? Enxergue sua estrutura como a principal ferramenta de vendas e faça com que sua equipe a use para ganhar e reter clientes.

 

Neste artigo vamos falar sobre como o Ponto de Venda pode influenciar nas vendas, afinal é nele que as decisões de compra são tomadas. Para ser eficiente, ele deve proporcionar uma experiência agradável e funcional para os clientes. Para ajudar nesta tarefa, trouxemos os principais conceitos de layout para que você os compreenda melhor e escolha o que mais se aplica ao seu caso. Veja:

Atualmente temos vários estilos de organização de elementos adotados por lojas de diversos segmentos. Entre os mais utilizados estão:

 

Grade: direciona o fluxo em um corredor principal e expõe os produtos de forma retangular, formando um ângulo reto com a entrada e o fundo da loja;

Fluxo livre: não direciona o fluxo de clientes e agrupa os produtos mais livremente, encorajando compras impulsivas;

Boutique: cria ambientes independentes do restante da loja, cada um com sua decoração e seu estilo;

Pista: expõe os produtos ao longo de corredores que guiam o cliente pela loja.

 

Os mais indicados para lojas de móveis são o “fluxo livre” e o “boutique”. Conheça um pouco mais sobre eles:

Fluxo livre

Como o próprio nome diz, a interação dos ambientes é livre, fazendo com que o consumidor caminhe pela loja com mais liberdade e facilidade de locomoção para qualquer setor. Esse layout estimula as compras por impulso e é mais indicado para lojas que vendem itens decorativos. Outra característica deste layout é que os setores são “agrupados”;

 

 

Boutique

Nesse formato é possível criar vários ambientes de uma casa, que podem ser separados por estilos e conceitos de decoração. Ultimamente esse layout vem ganhando popularidade por conseguir passar a imagem de um ambiente mais próximo de uma casa.

 

O ideal é que você busque cada vez mais conhecimento sobre este assunto, pois o principal diferencial de uma loja física, sem dúvida, é a apresentação do produto real e o relacionamento pessoal que é construído dentro da loja.

 

Via: blog.moveisprovincia.com

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga
Please reload

Procurar por tags
Please reload

Arquivo
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

Copyright - Tipo Arquitetos - Arquitetura e Interiores - 2018